sábado, 28 de janeiro de 2012

O CAOS NA LÍBIA E AS AÇÕES CONTRA A SÍRIA E O IRÃ

Imagem: Carlos Latuff
"Os mocinhos libertaram a Líbia do opressor Muammar Kaddaf", é assim que tentam nos vender a história. Mas na Líbia controlada pelos "rebeldes", o cenário não é muito diferente daquele vivenciado antes da queda do ditador. 

Leia no Al-Jazeera: "Quem realmente controla a Líbia?". O texto é assinado pelo historiador e escritor Faraj Najem. 

Na Itália - Convencidos de que todos os países tem direito de decidir, sem interferência estrangeira,  a organização de sua ordem política e social, intelectuais italianos escreveram um apelo ao governo do seu país para que retire o embargo contra o Irã e a Síria e não participe da "política de chantagem" contra os dois países. No documento, a intervenção dos EUA (e do seu braço, a NATO) na Líbia é apresentada como como uma tentativa de "saquear a riqueza da Líbia e recolonizar o país". Encabeçam a lista o filósofo marxista Domenico Losurdo e o  político e também filósofo Gianni Vattimo. O documento, escrito em vários idiomas (não há uma versão em português) pode ser lido aqui


Jones F. Mendonça