terça-feira, 26 de outubro de 2010

ISRAEL CRITICA “PARCIALIDADE” DO VATICANO

O governo de Israel acusa o Vaticano de ser refém da propaganda árabe. Segue trecho publicado no IHU:
O governo de Jerusalém pediu neste domingo ao Vaticano que “tome distância dos comentários que difamam os judeus e o Estado de Israel, comentários que não deveriam constituir a posição vaticana oficial, porque jogariam uma sombra sobre as importantes relações entre a Santa Sé, Israel e os judeus”.
Leia  mais aqui.