segunda-feira, 15 de julho de 2013

MANIQUEU E O FACEBOOK EM PRETO E BRANCO

Juca Izquierdo posta uma imagem de Fernando Henrique Cardoso vestindo roupa listrada de presidiário com os dizeres: “o homem que vendeu o Brasil”. Zé Mania e mais um milhão de pessoas que aprenderam que privatizar é um verbo transitivo inventado e conjugado pelo diabo, compartilham e divulgam a campanha de repúdio ao ex-presidente simplesmente porque o “homem do Blog” disse que devem odiá-lo.

Zeca Conspira produz, com a ajuda do Photoshop, outra imagem onde aparecem Lula ao lado de Hitler, Mussolini, Stalin, Fidel Castro e o maníaco do parque. Em letras ensanguentadas os dizeres: “Foro de São Paulo prepara golpe comunista em toda a América Latina”. João Fantoche e mais dois milhões de pessoas que sequer conhecem as diferenças elementares entre os projetos da esquerda e da direita (o “filósofo do YouTube” disse que a esquerda está sob a égide do capeta e isso basta) compartilham a imagem.

E assim o Facebook vai servindo para propagar a crença num mundo reduzido a dois pólos apenas: o bem e o só mal; o certo e o errado; o justo e o injusto; o capaz e o incapaz; o Fernando e o Luiz (ou o Luiz e o Fernando).

Universo binário. Mundo em preto e branco. Medonha retórica bipolar de Maniqueu. 



Jones F. Mendonça