sexta-feira, 12 de agosto de 2011

ESTÁ NA PALAVRA!

Num bem humorado artigo publicado na The Bible and Interpretaion, Philip Davies (muitas vezes rotulado de minimalista), professor emérito da Universidade de Sheffield, Inglaterra, fala sobre a difícil tarefa de tradução da Bíblia hebraica para outros idiomas. Um pequeno trecho do artigo:
Muitos outros termos ainda precisam ser substituídos. A "arca" da aliança era uma caixa. “Justiça” (tsedeq) pode significar “inocência", “integridade” ou "honestidade". Um “pacto” é um tratado. “Salvação” muitas vezes significa não mais que “segurança” [safety=segurança física] ou "segurança" [security=segurança patrimonial].
Não é raro, vez por outra, ouvirem-se os ecos de uma pregação fundamentalista anunciada a plenos pulmões: “está na Palavra!!!!”. Mal sabe esse ingênuo cristão que algumas vezes a tal palavra pode significar tantas e tantas coisas...

O artigo já traduzido pelo Google aqui. Em inglês aqui