quarta-feira, 2 de março de 2011

CODEX SINAITICUS GANHA IMPRESSÃO DE LUXO

Tommy Wasserman examinando
o codex
Segue notícia divulgada no Evangelical Textual Criticism:
O Codex [Sinaiticus] foi preservado durante séculos no mosteiro de Santa Catarina, no Monte Sinai, até que em 1844 Constantin von Tischendorf atraiu a atenção mundial [...] por sua descoberta. Nos anos seguintes, suas páginas foram divididas e dispersas. Agora, mais de 160 anos depois, após um esforço extraordinário e histórico de colaboração entre a Biblioteca Britânica, a Biblioteca Nacional da Rússia, o Mosteiro de Santa Catarina, a Biblioteca da Universidade de Leipzig e Hendrickson Publishers, todas as páginas existentes do Codex Sinaiticus foram reunidas em forma de livro.”  
Leia aqui, aqui e aqui