quinta-feira, 19 de agosto de 2010

É POSSÍVEL SE AFOGAR NO MAR MORTO, ALERTA RELATÓRIO

Devido ao excesso de sal do Mar Morto, que pode chegar a 33,7%, é muito fácil boiar em suas águas. Mas um relatório publicado na quarta-feira por Magen David Adom, prestador de serviços médicos de emergência, desmente  a convicção generalizada de que não é possível se afogar ao nadar no Mar Morto.

Transcrevo abaixo trecho de uma matéria publicada no Haaretz. A tradução é do Numinosum:
de acordo com dados do relatório, nadar no Mar Morto pode ser tão perigoso como em qualquer outro lugar no país. Dos 117 incidentes de quase afogamento que os para-médicos atenderam desde o início de 2010, 17 por cento foram no Mar Morto. Um homem se afogou neste ano em Ein Bokek, localizado na parte sul do Mar Morto.
A matéria alerta que os níveis extremamente elevados de sal, cálcio, magnésio e fósforo, podem causar inflamação pulmonar grave, como aconteceu há duas semanas com um homem de 58 anos.

A matéria completa pode ser lida aqui.