quarta-feira, 9 de agosto de 2017

MAMON

Um romano, no século II, olha para o tamanho e o poder do império romano e diz: eis a prova de que nossa religião é superior. Um árabe, no século VIII, olha para o tamanho e poder do império islâmico e diz: eis a prova de que nossa religião é superior. Um norte americano, no início do século XXI, olha para as 800 bases militares americanas ao redor do mundo e a grana forte que circula em Wall Street e diz: eis a prova de que nossa religião é superior.

No fundo é apenas ambição, sede de poder e administração eficiente. A religião serve apenas como liga. Ainda interpretamos o mundo como os homens das cavernas...



Jones F. Mendonça