domingo, 23 de dezembro de 2012

A RELIGIÃO E AS MULHERES

O Irã era uma monarquia autocrática até o final da década de 70. Os EUA e a Inglaterra apoiavam o atual líder do país, o xá Mohammad Reza Pahlevi. Em 79 veio a Revolução iraniana e o país se transformou numa República islâmica comandada pelo Aiatolá Khomeini. O Irã mergulhou nas trevas. As mulheres, como sempre, foram as maiores vítimas do governo autoritário comandado pelos ulemás. Em "Persépolis" Marjane Satrapi, ainda menina quando eclodiu a revolução,  conta sua história. Abaixo uma tirinha:


O problema, com na maioria das vezes, está nos olhos...


Jones F. Mendonça