sábado, 31 de março de 2018

LEITURA DE PÁSCOA

"Crucifixion", de Martin Hengel, foi, por muito tempo, a principal referência no estudo de um dos mais cruéis métodos de execução romana: a crucificação. John Granger Cook foi convidado por Hengel para revisar seu trabalho, mas acabou escrevendo seu próprio livro (The crucifixion in the Mediterranean World). Um trabalho magistral...

Neste ano Mark S. Smith (autor de "O memorial de Deus", 2006, Paulus) publicou um trabalho que tem sido bastante elogiado: "The final days of Jesus: The Thrill od defeat, the agony of victory". Disponível para compra na Amazon.

A resenha pode ser lida aqui



Jones F. Mendonça