quarta-feira, 1 de agosto de 2018

QUE FALTA FAZ ARISTÓTELES

O argumento “negros também venderam negros como escravos”, usado como justificativa para deslegitimar tentativas de reparar injustiças revela uma confusão que se repete em cada canto. A relação “escravizadores” versus “escravos” nunca foi entre “brancos maus” e “negros bons”, mas entre dominadores e dominados. Historicamente, no entanto, o abismo social entre brancos e negros no Brasil é o resultado da dominação da população negra escravizada pela população branca escravizadora.  O racismo é o resultado de uma luta entre classes, não entre etnias. Não é a causa da luta, mas o seu produto.


Jones F. Mendonça