sexta-feira, 6 de maio de 2016

O PAPIRO DE IPUWER: CRISE E CAOS NO ANTIGO EGITO

O papiro de Ipuwer (segundo milênio a.C.) registra um Egito abalado por uma grave crise social e por catástrofes naturais. Ipuwer lamenta com um rei anônimo a falta de respeito às leis e às autoridades constituídas. Eis alguns dos temas que considerei mais interessantes:

1) Revoltas populares:

“Os nobres estão em perigo, enquanto o pobre está cheio de alegria. Cada cidade diz: ‘Vamos suprimir o poderoso entre nós’" (folha II).

2) Crise religiosa:

“o homem de temperamento quente diz: ‘Se eu soubesse onde Deus está então o serviria” (folha V).  

3) Decadência do clero (lembra as críticas de Oseias, Amós e Isaías):

“Eis que os sacerdotes transgridem com gansos, que são dados [aos] os deuses em lugar de bois” (folha VIII). 

4) Pessimismo e fuga da realidade (lembra os lamentos de Jó):

“Na verdade, é bom quando os homens estão embriagados; eles bebem [...] e seus corações estão felizes” (folha XIII).



Leia mais aqui: 


Jones F. Mendonça