sexta-feira, 29 de abril de 2016

DEUS E O TEMPO EM AGOSTINHO E FÍLON

Geralmente se atribui a Agostinho (354-430 d.C.) a ideia de que o tempo só passou a existir a partir da Criação. Assim, não faria sentido perguntar pelo que Deus fazia ANTES de criar o mundo. Mas o judeu Fílon de Alexandria (Interpretação alegórica I, I, 2) já dizia isso no início do primeiro século. Veja: 
É preciso confessar que o tempo é uma coisa posterior ao mundo. Por isso, seria dito corretamente que o mundo não foi criado no tempo, mas esse tempo teve a sua existência em consequência do mundo.
Leia "Interpretação alegórica I", de Fílon, aqui:



Jones F. Mendonça